Faça seu cartão de crédito Sorriden!

O creme dental é um aliado importante na higiene bucal, pois ele auxilia a manter a camada protetora dos dentes, evitando a proliferação de micro-organismos. Mas afinal, qual a melhor pasta de dente? As pastas de dente não são iguais e, diante de tantas opções disponíveis na farmácia ou no mercado, fazer essa escolha pode não ser fácil.

O ideal é escolher de acordo com as especificações do produto e avaliar se a pessoa que vai usar tem algum problema bucal. Assim, quem tem a boca saudável não deve utilizar o mesmo tipo de pasta de alguém que tenha sensibilidade ou gengivite, por exemplo. Além disso, verificar os componentes da fórmula no rótulo é fundamental.

Se você deseja saber como escolher a melhor pasta de dente para você, não perca o nosso post. Boa leitura!

Verifique o nível de flúor na composição

Uma boa pasta de dente precisa ter, no mínimo, 1000 ppm (partes por milhão) de flúor na composição. Essa substância quase não é encontrada na alimentação e é essencial para remineralizar o esmalte dentário. O flúor auxilia no fortalecimento da arcada dentária e remove placas, prevenindo o surgimento de cáries.

No entanto, é importante lembrar que o mineral é tóxico se ingerido em altas quantidades. Por isso, é fundamental ter cuidado com a higiene bucal e optar por uma pasta de dente adequada.

Escolha uma pasta específica para dentes sensíveis

Caso você sinta dor ao ingerir bebidas ou alimentos frios ou quentes, provavelmente tem sensibilidade nos dentes, um problema que pode ser resolvido com cremes dentais específicos para isso. Esse tipo de pasta é usado para o alívio da dor, no entanto, é preciso ter o acompanhamento de um dentista.

As substâncias presentes no produto podem obstruir os poros que são espalhados pela dentina e que ligam os nervos aos dentes, provocando a dor quando existem mudanças de temperaturas.

Opte por uma pasta específica caso você tenha doenças periodontais

Em casos de doenças periodontais, como a gengivite, o ideal é utilizar uma pasta de dente que contenha substâncias antissépticas e flúor, que auxiliam no combate às bactérias na boca. Contudo, esse creme dental é destinado a tratar um problema específico e não deve ser usado por mais de duas semanas consecutivas.

Caso o problema persista, não deixe de procurar um dentista. Isso porque na maior parte das vezes é um problema de fácil solução, mas podem existir determinadas doenças graves que precisam ser verificadas.

Evite se iludir com cremes dentais clareadores

Muitas pessoas adquirem uma pasta de dente clareadora acreditando que ela pode eliminar o amarelado dos dentes. Contudo, escolher um produto com esse objetivo é um erro.

Esse tipo de creme dental só ajuda na diminuição de manchas provocadas por alimentos. Eles não são capazes de clarear o tom dos dentes, pois sua ação é restringida à superfície do esmalte dentário e não proporciona os mesmos efeitos dos tratamentos com um dentista.

Agora que você já sabe como escolher a melhor pasta de dente, lembre-se de seguir as nossas dicas para garantir uma decisão mais acertada. Além disso, consulte um dentista caso você tenha algum problema bucal para que ele possa indicar o melhor creme dental para você.

Gostou deste post e tem alguma dúvida? Então, entre em contato conosco. Será um prazer respondê-lo!

Blog Sorriden: dicas de saúde bucal


17 de setembro de 2021 | Saúde Bucal

Não sabe como melhorar o hálito? Confira 4 melhores formas!

Você sabe como melhorar o hálito? Ter mau hálito é uma situação desagradável que pode ser muito constrangedora […]


26 de agosto de 2021 | Saúde Bucal

O aparelho ortodôntico para crianças vale a pena? Descubra!

Um assunto muito comum e que gera dúvidas em mães e pais é o aparelho ortodôntico para crianças. […]


12 de agosto de 2021 | Saúde Bucal

Confira 5 dicas para perder a vergonha de ir ao dentista!

Por diversos motivos, as pessoas precisam realizar consultas odontológicas, no entanto alguns obstáculos impedem ou reduzem as chances […]

Acesse o Blog

Realize sua pesquisa