Podemos dizer que boa parte da população não se importa muito com a saúde bucal, porque muitas pessoas acreditam que dar prioridade para o tratamento dos dentes é uma questão somente estética. Porém, o que poucos sabem é que existe uma relação direta entre a falta de saúde bucal e doenças cardíacas.

Em virtude disso, é preciso dar total atenção para a higienização dentária. A boca está ligada a outros órgãos, como o coração, por meio da corrente sanguínea. Dessa forma, quando alguma cárie ou microrganismo se espalha e chega ao sangue, pode atingir o coração e gerar diversas patologias.

O conteúdo apresentado despertou o seu interesse? Então, prossiga a sua leitura e saiba mais informações.

Como a saúde bucal se relaciona com as doenças cardíacas?

É nítido que o funcionamento do corpo humano se dá por meio da interação de diversos órgãos. Nesse sentido, a boca e o coração se comunicam de alguma maneira, sendo o sangue o fluido responsável por essa ligação.

A boca — por ser porta de entrada de bactérias e organismos — é uma região que precisa de cuidados diários. Problemas como cárie, cálculo dentário e gengivite são ocasionados por esses seres, que também podem afetar a parte óssea da boca, fazendo com que o indivíduo perca os seus dentes.

Partindo dessa ótica, esses micróbios que estão presentes na boca circulam por todo o corpo através do sangue, alojando-se, preferencialmente, no endotélio, o tecido que reveste o coração. Logo, caso o paciente apresente problemas de imunidade baixa ou alguma doença cardiovascular, há um risco elevado de ele desenvolver um quadro de endocardite bacteriana, uma infecção no coração causada pela falta de higienização bucal.

Quais pacientes estão mais suscetíveis a essas doenças cardíacas e quais são os principais sintomas?

Os principais alvos dessa patologia cardiovascular são os indivíduos que possuem problemas crônicos, como a gengivite ou a doença periodontal. Isso ocorre quando o paciente não tem cuidado bucal, fazendo com que a placa se acumule sobre os dentes e gengivas, podendo afetar o vaso sanguíneo e, por consequência, o coração.

Os principais sintomas ligados a essa patologia bucal que pode desencadear problemas cardíacos são: gengiva avermelhada, mau hálito frequente, pus ou sinais de infecção em volta dos dentes e amolecimento de alguns dentes.

Quais as melhores dicas para ajudar em uma boa higienização bucal?

Um ponto fundamental quando se trata da saúde bucal é escolher uma pasta de dente que possua flúor, pois esse mineral protege a arcada dentária das bactérias que geram as cáries. É importante também optar por produtos de qualidade e pouco abrasivos para que eles não desgastem o esmalte dentário.

Somado a isso, usar o fio dental é de muita relevância, pois é por meio dele que conseguimos fazer a retirada de restos de alimento que estão entre os dentes. Esse hábito ajuda a prevenir tártaros, cáries e também o mau hálito.

Por fim, é preciso que a população tenha maior preocupação com a saúde bucal e com as doenças trazidas pela falta dessa higienização, como é o caso dos problemas cardíacos. Por isso, procurar um bom profissional, fazer uma boa escovação depois das refeições e usar produtos de qualidade ajudarão o paciente a ter dentes e gengivas saudáveis.

Gostou do conteúdo apresentado? Então, aproveite para seguir as nossas redes sociais e ficar por dentro de mais novidades. Estamos no Facebook e no Instagram!

Blog Sorriden: dicas de saúde bucal


17 de setembro de 2021 | Saúde Bucal

Não sabe como melhorar o hálito? Confira 4 melhores formas!

Você sabe como melhorar o hálito? Ter mau hálito é uma situação desagradável que pode ser muito constrangedora […]


26 de agosto de 2021 | Saúde Bucal

O aparelho ortodôntico para crianças vale a pena? Descubra!

Um assunto muito comum e que gera dúvidas em mães e pais é o aparelho ortodôntico para crianças. […]


12 de agosto de 2021 | Saúde Bucal

Confira 5 dicas para perder a vergonha de ir ao dentista!

Por diversos motivos, as pessoas precisam realizar consultas odontológicas, no entanto alguns obstáculos impedem ou reduzem as chances […]

Acesse o Blog

Realize sua pesquisa